U4crypto foca em inclusão financeira para pessoas físicas, empresas e associações.

Tudo sobre meios de pagamentos

U4crypto foca em inclusão financeira para pessoas físicas, empresas e associações.

Atualmente a exclusão financeira está entre os principais problemas
socioeconômicos do mundo. De acordo com uma pesquisa divulgada pela Global Findex, cerca de 73% da população mundial ainda não faz parte do sistema financeiro. Enquanto isso, no Brasil, 40 milhões de pessoas passam por essa situação. De acordo com o estudo, isso causa uma perda de bilhões por ano na economia nacional e mundial.

Portanto, é mais do que comprovado que a inclusão financeira representa um papel fundamental na recuperação econômica de diversos países, principalmente o Brasil. E foi pensando exatamente nisso que a nossa U4crypto, primeira fintech totalmente mineira do país, veio para mudar este cenário. Desde sempre, através de pesquisas e análises de mercado, decidimos que a busca pela inclusão financeira seria o principal objetivo da empresa.

Dois anos depois, essa realidade já gera bons frutos. Isso porque em pouco tempo de mercado já conseguimos bastante resultado. Contamos com cases de sucesso e já temos outros em vista. A expectativa é que até 2021 a expansão seja ainda maior.

Como a inclusão financeira se torna possível?

A ideia da nossa fintech é simples: dar acesso seguro e eficaz ao mercado
financeiro para quem pode ser de fato o porta voz da população que mais necessita de inclusão financeira. Isso se resume a empresas e associações que reúnem todas essas pessoas.

Mas é claro que existem problemas. O principal deles hoje em dia é a demora e a falta de informação que pode fazer a população mais leiga chegar até os bancos. As transações são burocráticas e demoram dias para serem realizadas.

As pessoas estão deixando de confiar nos bancos pela demora em seus processos, como para responder simples dúvidas. Muita coisa não é explicada de uma forma clara, para que eleas se sintam seguras para confiar suas finanças naquele determinado banco.

Portanto, a melhor solução é fornecer um meio para que esses problemas sejam resolvidos, na palma da mão e de forma simples. O propósito da U4crypto é oferecer um banco próprio para qualquer uma dessas organizações que falam com essas pessoas. Sindicatos trabalhistas, empresas privadas, associações de classes ou comunitárias…

Com isso, todas essas entidades podem construir o seu próprio banco digital com todas as vantagens e segurança que os maiores do mercado oferecem, ainda com o bônus de que elas poderão colher resultados e investir para também terem seu retorno dentro do mercado.

PIX

E por falar em inclusão financeira, atualmente a expectativa entre as fintechs cresceu ainda mais. Com a criação do PIX pelo Banco Central, as facilidades começam ser ainda maiores. “O PIX é um novo método para realizar pagamentos instantâneos existente no Brasil.

O primeiro dia de PIX no Brasil foi um sucesso. No dia 16 de novembro de 2020, mais de um milhão de transações foram realizadas através desse novo sistema, segundo o Banco Central.

Essa mudança é a cara da inovação digital, pois o antigo jeito de fazer transações bancárias começou a ser extinto. O que antes demoravam dias para ser feito – como transferências, pagamentos e outros – agora pode ser realizado em segundos de qualquer lugar que você estiver. Imagine fazer uma transferência urgente para um familiar que possui outro banco e ele receber isso em menos de 1 minuto? Com o PIX, essa realidade é possível!

A tendência é que esse se torne o principal modelo realizado no Brasil a partir do próximo ano, pois a população ainda precisa se acostumar e entender que o modelo é totalmente seguro.

Por ser muito recente, ainda teremos uma fase de inserção em todos os bancos, adaptação e demais necessidades. Porém, provavelmente, até o fim de 2021 o PIX já será parte da vida da maioria dos brasileiros que já estiverem inseridos no sistema financeiro.

Nenhum comentário

Adicione seu comentário